Aderi ao movimento "Odeio festa de crente"

Ok. Cheguei à minha cota, ao meu limite.
Vai ter festa de crente? Vou pensar duas vezes antes de ir.

É sempre a mesma coisa: os convidados (e vários penetras) chegam à festa para abençoar a irmãzinha (e por abençoar entenda comer muito) e aí acontece o louvor com a tradicional música – Por tudo o que tens feito... Por tudo que vais fazer... Te agradeço meu Senhoooooor...

O cronograma geralmente não muda e tem sempre o momento “Vou deixar um versículo para você meditar”. Pra você ter idéia, nas festas mais recentes que fui a festa mais parecia um culto com tudo o que tem direito (às vezes até apelo). Em algumas, o momento da palavra e oração durou quase uma hora!

O que aconteceu com aquelas festas onde havia diversão, bate papo, música boa... Tudo bem descontraído? Não é porque é festa de crente que tem que ser tão igrejês. Poxa, vamos nos divertir, rir, dançar e separar um tempo para orar junto de uma forma que não faça ninguém dormir.

Junte-se a causa!

7 comentarios:

thiago disse...

to dentro!

concordo com o que vc disse...

crente tmb se diverte, principalmente em festa de aniversario.

o pior disso tudo é aniversario de pastor.

cara, o aniversário é da pessoa como ser humano, não dia do pastor. dae fazem um "culto surpresa" é sem noção...

mes passado teve uma festa de 15 anos de uma liderada nossa, e foi um festerê só...

teve o "culto" normal no começo, mas depois rolou musica boa e muito papo... o pessoal dançou, se divertiu, até o pastor estava junto. ficamos até as 3 da manhã na festa.

Strong_Wind disse...

hehe.. ainda não passei por algo assim.. sempre q tem uma festinha com o pessoal q eu ando, a gente se diverte mto! somos crentes sim e sabemos o q convém e o q naum convém.. oramos sim, geralmente antes de cortar o bolo, agradecendo a Deus pela vida da pessoa e tals.. afinal, creio q eh o mínimo a ser feito. mas nos divertimos mto sim!!

[Mithz] disse...

A ultima festa de aniversário de crente que fui foi bem interessante, festa de 15 anos normal e depois que a maioria da velharia foi embora a garotada tocou o terror, dançamos forró no salão da igreja, imagina uma irmãzinha que ficou por lá, puxou um garoto e relembrou os velhos tempos, isso tudo na presença do vici pastor da igreja. rs

Agora festa que não vou tão cedo são festa que tenham funk, axé e eletronica. Aqui em Brasília a qualidade baixou muito, tudo isso agora é popular e enche de gente que não "presta", fora que a produção é quase sempre feita pela mesma galera da mesma igreja, aí já viu, sempre são as mesmas bandas, os mesmos grupos e os mesmos DJs. Aí não dá, vamos ter que criar um "manifesto por qualidade em festas de crentes" rs. Não seria um mal projeto.

Até e boas festas.

Clip Gospel Music disse...

Ixe Fsta assim é programa de Indio.. Tô Fora!!Kkk

A o bom é festa só com Jovem... Nada de gente pregando.. Eu prego também mas não em festa!!

Equipe Zapeando disse...

Há lugar para tudo na vida. Lugar para orar, pregar, evangelizar, agradecer e para festejar.
Quando queremos fazer tudo de uma vez só, nao fazemos nada direito.
Tirando a citação ao louvor, concordo com tudo, apenas nao a critica porque este é um louvor que entoo sempre.

Caroline Luísa disse...

oi, eu sou crente. Vou fazer minha festa mês qe vem e te afirmo qe voc pode curtir a sua vida a qualquer momento e não precisa ser no seu aniversário. O primeiro a qem voc deve agradecer é a Deus qe te deu 15 anos de vida, o culto é totalmente correto, é para mostrar a sua gratidão a Deus, ta qe nao tenqe ser uma coisa de 2 horas, mas tenqe ser sim. Nós crentes nao temos qe nos adaptar ao mundo, mas o mundo qe tenqe se adaptar a gente! Não tem dessa de colocar funk pqe todo mundo dança ou eletrônica pqe todo mundo qer, voc tenqe pensar o qe vai agradar a Deus e nao aos seus convidados!

Anônimo disse...

Caroline luísa concordo com vc,
antes importa agradar a Deus do que satisfazer certas amizades, que um dia no futuro poderão nos trair, ao contrario do criador que morreru na cruz para nos salvar